Você tem tido tempo para você?

Não importa, por mais que a gente queira tem dias – ou semanas – que não conseguimos ter tempo pra nós mesmas.

 

Arrumamos tempo para trabalhar, para cuidar do filho, da casa, do casamento, dar atenção para as amigas, para os pais, para os estudos. Quando vemos, priorizamos tudo e nos deixamos de lado.

Ok, tem dias que nos botar em último lugar se faz necessário, mas eu diria que dá para arrumar uns intervalos nesse meio tempo. Se achar no meio do caos às vezes é tão bom e saudável quanto passar o dia cuidando apenas de você.

Hoje eu resolvi vir aqui para listar alguns desses momentos que eu arrumo para mim e que me fazem tão bem! Vai que ajuda você também?

 

1 – Tá no trânsito? Bota a música bem alta (e se der, canta!) – as vezes o único momento que a gente tem sozinha é dentro de um carro, do ônibus e do metrô, e as vezes tá trânsito ou lotado, situações mais do que propícias para aumentar nosso nível de stress, que já não está baixo. Para mim o que salva é a música! Juro, tá pra nascer algo mais libertador do que botar o som do carro no último volume e cantar bem alto, ou então, se o transporte é público, cantar em silêncio porque eu tenho vergonha! Hehehe

 

 

2 – Dia de filas – tem dias que parece que tudo que a gente faz é pegar fila, né? Fila do banco, do mercado, na fármacia, parece que todos os lugares estão dando um jeito de fazer você chegar cada vez mais tarde em casa. Nessas horas, a melhor coisa é ter meu celular cheio de possibilidades legais para passar o tempo. E-book, joguinhos ou até mesmo Youtube para ver videos que eu perdi durante a semana. Só tem que garantir que o celular vai ter bateria suficiente para encarar esses momentos que tinham tudo pra ser de tédio.

 

 

3 – O banho vai ter que ser rápido? Que seja com os melhores produtos! – Tem dias que a gente toma banho só para ficar limpa, né? Pois eu digo que nesses dias corridos e estressantes, não importa o tempo do seu banho, ele tem que ter qualidade! Tem dias que eu mal tenho 15 minutos, e é justamente nesses dias que eu faço questão de usar os produtos mais incríveis e relaxantes que eu tenho. A manteiga de abacate de 60 segundos e o sal esfoliante de lavanda da Bio Extratus são meus principais companheiros. Saio renovada!

 

 

4 – Passe por algum lugar que te deixe relaxada – Você passa por um lugar que você curte quando sai do trabalho ou, depois daquele dia ultra corrido, você cruza com algum local que você ache agradável? Desacelere e curta! A tendência é a gente sair correndo para voltar logo pra casa, mas esquecemos que andar por aí tem seu valor. Se você todo dia passa de ônibus pela praia, por exemplo, que tal saltar e curtir uma água de coco antes de seguir caminho?

 

 

5 – Reserve meia horinha pra você antes de dormir – eu não sei vocês, mas eu fico muito frustrada quando passa o dia e parece que eu não consegui pensar em mim em nenhum momento. Nesses dias eu prefiro dormir um pouquinho mais tarde, fazer algo pra mim (pode ser ver Netflix, ler um livro, fazer as unhas, escovar o cabelo, tanto faz) e dar uma “enganada” no meu cérebro.

 

 

São essas pequenas coisas que fazem com que meus dias cheios se tornem um pouco mais agradáveis e eu me sinta novamente no comando da minha vida. Esses dias mais atribulados muitas vezes são inevitáveis, mas a forma de lidarmos com eles pode fazer com as horas passem de forma mais leve, não acham?

3 Motivos para amar o Creme Silicone com Tutano

Se tem um produto da Bio Extratus que marcou minha infância foi o Creme Silicone com Tutano.

Cresci vendo esse produto tão maravilhoso na penteadeira ou na pia do banheiro da minha mãe, que usava diariamente em seus cachos.

 

 

Meu grande sonho era crescer e poder ter um desses para chamar de meu. Hoje, com 22 anos, vejo que ele pode ser meu maior aliado na hora de finalizar meus cabelos ondulados. Pensando nisso, vim contar para vocês os meus 3 motivos para amar o Creme de Silicone com Tutano, espero que gostem!

 

 

 

Motivo 1: Muitas funções em um só produto.

Na hora da correria do dia a dia, nem sempre temos tempo de passar milhões de produtos para finalizar os cabelos. O Creme de Silicone com Tutano é completo, podendo assumir funções como: revitalizar os cabelos, desembaraçar, dar brilho aos fios, restaurar partes quebradiças, proteger contra ação de agentes externos como poluição, sol, cloro, poeira, enfim! Ele é um produto prático para o nosso dia a dia corrido.

 

Motivo 2: É para todo o tipo de cabelo.

Minha mãe tem um cabelo curto e cacheado maravilhoso enquanto eu tenho um cabelo ondulado longo. Sempre pensei que o creme não faria efeito em meus fios mas estava enganada! O Silicone com Tutano é para todo tipo de cabelo. Não tem contra indicação, lisas, cacheadas, crespas ou onduladas podem se jogar nesse produto incrível!

 

Motivo 3: Ele está de cara nova!

Sim! A Bio Extratus criou um novo rótulo para esse creme queridinho da mulherada. A fórmula tradicional incrível foi mantida, junto com sua embalagem prática no dia a dia. A alteração no rótulo deixou o produto mais clean e moderno, do jeitinho que a gente gosta. Não vivo mais sem!

 

E ai, agora estão convencidas a amar o Creme Silicone com Tutano assim como eu? É impossível não gostar desse produto incrível! Compartilhe as dicas com as amigas e arrasem juntas com cabelos perfeitos.

Aproveite para conferir meu vídeo falando mais sobre esse produtinho maravilhoso: https://www.youtube.com/watch?v=uboew0gtoPU

 

As roupas do inverno/2017: 5 Tendências para usar muito!

Apesar de ainda um pouco discretos, os dias mais frios já começam a chegar e, com eles, chega também aquela vontade de saber o que está em alta nas roupas para a temporada, quais são as tendências e apostas e, principalmente, aquela curiosidade de saber, de fato, no que vale a pena investir.

 

 

Assim, em meio às mais de cem tendências apontadas e garimpadas pelos profissionais da moda (oi, eu!), desde micro até macro-tendências, separei as cinco “mais, mais”, aquelas que você vai ver as pessoas usando e que, muitas vezes, vai sentir vontade usar também.

 

Vamos lá? Olha só!

 

  1. MILITARISMO – é a aposta mais forte do outono/inverno e, é claro que, se a gente reparar bem, vai perceber que essa influência militar nunca sai da moda, porém, nesta temporada, ela está mais em evidência ainda. Por isso, vale apostar em peças cheinhas de tiras, amarrações, na cor verde militar ou em tons terrosos, assim como na print camuflada, seja ela mais literal ou mais suavizada.

 

 

  1. PARKA – na mesma esteira do militarismo, a parka aparece como a aposta certeira para arrematar os looks de inverno. Jaqueta utilitária, com vários bolsos, zípers, faixa e cordões, as parkas chegam com força, principalmente em propostas em tons terrosos e naturais, assim como ganham destaque os modelos com bordados nas costas, nos punhos e em outras partes da jaqueta.

 

 

  1. TRANSPARÊNCIA – em alta há algumas temporadas, a transparência aplicada às roupas continua conquistando adeptas, aparecendo em peças feitas em renda, em chiffon, em tela e, principalmente, em tule, grande destaque nos materiais da temporada.

 

 

  1. JAQUETA PUFFER – a famosa jaqueta de nylon, seja ela matelassada ou não, ganha status fashion e entra nas propostas dos looks mais descolados. Seja em shapes alongados ou mais curtinhos, a puffer promete agradar muito às mulheres, principalmente aquelas que querem aderir a mais nova proposta de styling, ou seja, deixando-a caidinha nos ombros.

 

 

  1. TRICÔ – queridinhas há algumas estações, as peças feitas em tricô aparecem como protagonistas neste inverno, principalmente em modelos alongados ou oversized. Ganham espaço nosso looks da temporada os pulôveres, suéteres, blusas de gola máxi e, principalmente cardigãs alongados, mas, sem dúvida, há também espaço para o tricô da vovó, peça vintage certeira, presente no closet da temporada, das mulheres mais fashionistas.

 

 

Certamente, não faltam opções para os mais variados estilos. Qual é o seu?

 

Fonte das imagens: Pinterest, Quintess, Renner, My Favorite Things, Dzarm

Um banho relaxante com lavanda      

 

Eu sou um pouco metódica com produtos de beleza. Se na embalagem diz para usar de tal forma, eu costumo seguir à risca e dificilmente eu uso de outro jeito. Vai que dá errado? Sei lá.

 

Dito isso, desde que eu conheci o sal esfoliante Botica Lavanda da Bio Extratus, eu venho usando religiosamente da mesma forma. Entro no banho e com a pele úmida, aplico o sal com movimentos regulares, relaxo e depois tiro (se bobear falei a mesma coisa que está escrito no produto, como eu disse, acabo decorando rsrs).

 

 

Outro dia eu estava acabada. Arthur, meu filho, estava especialmente espevitado subindo em tudo, correndo, caindo, jogando coisas pro alto, pegando a comida do cachorro e espalhando pelo chão, abrindo portas, jogando prato de comida no chão, fruta pelo teto, enfim. Foi meio pesadelo. rs

 

Terminei o dia parecendo uma maluca, suada, cabelos desgrenhados e provavelmente sujos de comida e tava precisando mais do que nunca de algo extremamente relaxante. Olhei pro sal, ele olhou pra mim e eu pensei comigo mesma: quer saber? Vou tomar banho de banheira e usar como sal de banho. O máximo que poderia acontecer era não dar certo, mas imaginei que o cheirinho de lavanda que ficaria no ar seria relaxante e agradável o suficiente para eu sair renovada.

 

Preparei a banheira, acendi vela, peguei meu som, botei uma playlist calminha – sim, bem coisa de filme mesmo – peguei o sal esfoliante e entrei. Joguei depois que eu já estava lá dentro, passei no corpo (já que é pra esfoliar, vamos usar, né?) e resolvi relaxar.

 

 

O cheiro da lavanda subiu e o efeito calmante foi imediato. Antes de tirar a água joguei mais um pouco de sal no corpo para dar uma hidratada, já que por causa da Oliva e do Hydromanil (hidratante que mantém a umidade natural da pele de forma duradoura), além de esfoliante, o Botica Lavanda também deixa a pele macia e super cheirosa.

 

Resultado? Valeu super a pena mudar a ordem do jogo e testar uma forma nova de usar um produto que eu já conheço há tanto tempo! Mas quem não tiver banheira, não tem problema, usá-lo durante o banho é tão gostoso quanto!

Como parei de me comparar e comecei a me VALORIZAR

Antigamente, quando via uma pessoa muito bonita, especialmente quando se tratava de uma mulher, logo me comparava em todos os sentidos, sem ver grandes qualidades em mim. Na minha cabeça, para que eu fosse bonita como outras mulheres, eu precisava de cirurgião plástico, de muita dieta restritiva, de dinheiro para bancar artigos de moda e de um grande milagre.

 

 

É engraçado pensar o quanto eu fui, por diversas vezes, injusta comigo mesma. Queria caber em um jeans 36 sem ao menos notar que minha estrutura corporal não comportaria isso, por exemplo. Percebi que o objetivo das minhas comparações com outras mulheres sempre serviu para que eu identificasse os meus defeitos e os ressaltasse para mim mesma, deixando a minha autoestima no chão. Como se não bastasse essa auto sabotagem diária, eu ainda mantinha ao meu lado alguns inimigos particulares, que atacavam a minha segurança todos os dias, me fazendo viver com culpa por não ser perfeita como a outra.

 

Depois de um tempo refletindo sobre essa relação comigo mesma, percebi que eu teria total controle da minha vida se eu realmente me aceitasse da forma como eu sou, ou resolvesse mudar de forma saudável o que não curto tanto em mim. Comecei a me olhar no espelho todos os dias de forma diferente, procurando as minhas qualidades e tentando ressalta-las com artifícios de moda.

 

Nesse processo de mudança de olhar, comecei a anotar em uma agenda tudo que eu gostava em mim, tanto na parte física quanto em minhas atitudes. Dentre as partes que eu mais gostava em mim estava meu cabelo. Comecei a evidenciá-lo em minha vida, com penteados diferentes que me deixavam de bem com minha imagem no espelho. Outra parte que sempre gostei em mim foram as pernas. Comecei a valorizá-las na hora de escolher um look para meu dia a dia.

 

Todas essas pequenas ações me deixaram com uma imagem mais próxima do que eu idealizava para minha vida. Se hoje eu falo sobre moda, beleza e autoestima aliando essas três frentes, é porque realmente eu as usei muito para melhorar a minha relação comigo mesma. Comecei a ter um olhar mais carinhoso e menos exigente comigo, deixando essa relação pessoal mais natural e humanizada.

 

 

 

Com essa fórmula mágica que combina autoestima e aceitação, comecei a me sentir com total controle do que eu queria para minha vida. Comecei a não me comparar mais com outras mulheres e pensar que todas nós estamos em contextos diferentes, em momentos diferentes da vida e temos corpos obviamente diferentes. Parei de me colocar apenas em desvantagem em comparação aos outros e, como consequência, valorizo a minha trajetória pessoal e tudo que já conquistei até hoje.