Naturalmente Bonita

Tabu: Mulher de Cabelo Curto?

Quando se é mulher com cabelo curto, é muito comum ouvir “Por que você cortou o cabelo?”, “Teve alguma doença?”, “Aconteceu corte químico?”, “Por que você não deixa crescer?”. É surreal como tentam impor o próprio gosto no SEU corte de cabelo. 

Cabelos longos sempre foram sinônimo de feminilidade, sendo assim, uma mulher com os fios curtos não é considerada feminina aos olhos de muitos. Entender que cabelo não me define, apenas me completa, não foi rápido! Lá em 2013, quando fiz meu big chop, cheguei em casa e chorei muito porque me senti “menos mulher” com aqueles fios extremamente curtos. É tanto padrão que vemos nas mídias, que chegamos a duvidar da nossa beleza. 

Hoje, quase sete anos depois, eu cortei novamente beeeem curto e não consigo me imaginar com o cabelo maior. Este tabu existe principalmente por machismo, fetiche masculino, aquela sensação de poder do homem sob a mulher. Aquele desenho perfeito do imaginário onde apenas o homem tem cabelo curto e apenas a mulher tem fios maiores.

Sustentar um corte considerado masculino não é fácil. Por isso, muitas pessoas associam a poder, força e independência. Por esta mulher não ligar para as convenções sociais e ousar andar com cabelo curto, ela é uma fortaleza e logo relacionada a uma imagem forte que não se deixa abater. Mas cá entre nós, é bem verdade! Enquanto muitos te olham apontando o dedo e julgando, você permanece plena e sentindo um bom vento na nuca.

Todo tipo e formato de cabelo pode ser curto! Todo tipo e formato de rosto idem! O que difere é procurar um profissional que entenda de visagismo para te valorizar ainda mais. 

Vai por mim: depois que você começa a usar cabelo curto é um caminho sem volta! A tesoura vira sua melhor amiga e a praticidade faz com que você dedique seu tempo em outras tarefas mais relevantes para você.

Se encorajou? Vai fundo e depois posta uma foto me marcando para conferir o resultado!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *