Naturalmente Bonita

Transição Capilar na Quarentena? 6 Motivos Para Começar Já!

1.Maio.2020

Conversando com minha amiga esses dias sobre cabelo, veio o tema transição. Do nada ela fala “Nossa, a quarentena é um bom momento para fazer transição capilar, né?”. Parei, fiquei olhando para o nada e pensando no que uma transição capilar acarreta, e depois respondi em caixa alta “EEEEEITA! CONCORDO MUUITO!”. Óbvio que você vai me questionar o motivo pelo qual nós duas concluímos isso; e é aí que o assunto virou tema de post! Vou listar seis motivos pelos quais a transição na quarentena é uma boa pedida:

transição capilar

6 Razões Para Aproveitar o Isolamento Social Para Fazer Transição Capilar

1. Praticamente não estamos saindo de casa

Sendo assim, a preocupação (por muitas vezes exagerada) com a estética do cabelo, não precisa existir de maneira tão intensa. A transição nos deixa com duas texturas no cabelo: a da raiz crescendo (crespa, cacheada ou ondulada) e comprimento e pontas que possui a química que usávamos até então. Lidar com essas duas texturas não é uma tarefa fácil, ainda mais quando saímos com frequência e queremos tentar uniformizar a aparência dos fios. 

Estar em casa nos deixa mais livres para não fazer nada e permitir que este cabelo tenha sim duas texturas e demonstre sua beleza no seu próprio tempo.

2. Os salões estão fechados

Sim, eu sei que essa parte é chata para quem ama uma conversa de salão, mas é o que temos para hoje! Quem faz química já sente a diferença na raiz crescendo e não tem como reaplicar agora. O que acha de deixar o fio natural e saber como é este cabelo, hein!? As vezes você enrolava tanto para fazer a transição capilar, se punha tantos empecilhos que este pode ser o momento ideal para essa mudança. 

3. Excesso de tempo e falta de foco

Muito tempo ocioso e a nossa cabeça a mil faz com que não tenhamos foco em nada. Tem quem produza loucamente nesta quarentena, mas tem também quem não consegue se concentrar porque vivemos um período de muitas incertezas. Falta distração, falta desligar um pouco. Doar carinho para seu cabelo é um momento de autocuidado e onde você pode esquecer um pouquinho do que tá acontecendo na sua vida. Como você precisará conhecer seu fio, entender como ele funciona e testar muitas coisas para ver o seu melhor resultado, precisará de muito tempo. E o que temos na quarentena? TEMPO DE SOBRA (risos nervosos)

4. Dá para disfarçar a raiz com mais facilidade

Nossa! Com o advento das vídeo chamadas (para alegria de muitos e cansaço de outros tantos), é muito mais fácil arrumar o cabelo para a parecer na telinha no computador. Conseguimos dar o truque lindamente, colocar uma faixa, fazer um penteado sem sentido, trançar… E tudo isso sem muita perfeição porque a qualidade dos vídeos não é full hd ou 4k hahahaha. Sem estresse o cabelo vai crescendo pleno. E o melhor: sem agressões mecânicas como excesso de chapinha (ou prancha em algumas regiões).

transição capilar

5. Menos opiniões alheias

Um dos principais motivos pelos quais as pessoas adiam a transição capilar é autoestima. A sociedade nos apresentou por muito tempo um padrão de beleza e, conseguir abdicar dele, não é uma tarefa fácil. A gente se olha no espelho e não consegue gostar do que vê. “Como vou sair de casa assim? Como vou ver pessoas com o cabelo deste jeito?”. Sim, o foco é “O que as pessoas vão pensar de mim?” e vejam só! Como eu falei lá em cima: não estamos saindo de casa (exceto quem realmente precisa) e nem vemos tantas pessoas assim! Quer motivo melhor que esse? Você pode iniciar sua transição capilar pouco se importando para o que os outros vão pensar porque esses outros nem te verão!

6. Se conhecer

Calma! Tá bem longe de mim falar que este período é um bom momento para você olhar pra dentro de si, meditar e blá blá blá. Tem que ter muito cuidado com esse discurso porque é uma minoria que pode ficar em casa sem se preocupar com itens básicos de sobrevivência. Mas o que eu digo é: Conhecer o seu fio, conhecer sua história, entender como ele reage e ver se você realmente não gosta do seu cabelo natural.

Com o cuidado, com os dias passando, e com o crescimento dele, você tem mais tempo para lavar este cabelo, fazer uma hidratação, quem sabe até iniciar o cronograma capilar que você sempre adiou! Isso também é se conhecer! 

Uma dica final é: faça tudo no seu tempo. Tentar se forçar a algo, se encaixar ou corresponder a alguma expectativa ALHEIA é a pior coisa. Quarentena não tá fácil pra ninguém, então que levemos este período da melhor forma que conseguirmos, sem cobranças.

Este post serviu mais como um empurrãozinho para quem estava com dúvidas se começava ou não a transição. Se no final das contas você decidir voltar para a química, está tudo bem: você não é melhor nem pior por isso tá?

Qualquer dúvida, dá uma olhada neste post que a maravilhosa Bianca Sales fez com dicas sucesso de audiência para atravessar a transição capilar!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

O que Você Precisa Saber Antes de Descolorir o Crespo

24.abr.2020

Incrível como ainda existam pessoas para dizer que cabelo crespo não pode descolorir. Ledo engano! O cabelo crespo pode sim passar por descoloração desde que você tenha alguns cuidados. Isso porque é um fio bem delicado e fino. Precaução é a melhor estratégia neste momento. Vem comigo que te mostro o que saber antes de descolorir o crespo.

Dicas para descolorir o crespo de forma saudável

Prepare o seu cabelo!

Sim, descolorir é química. Antes de passar qualquer tipo de química no cabelo devemos nos certificar que o fio está forte o suficiente e que aguentará atravessar esta transformação. Aí você me pergunta: “Mas como eu preparo meu cabelo, Maraisa?” eu te respondo: cuidando!

É legal ficar pelo menos um mês sem passar qualquer química. Se você alisa, relaxa, ou já colore, tenta deixar o espaço de 30 dias, no mínimo, para depois descolorir. Neste meio tempo você vai recuperar a estrutura capilar com reconstrução. Se quiser saber mais sobre cronograma capilar, confira aqui!

Muitas pessoas sabem que a reconstrução é uma das etapas do cronograma capilar né? Mas o que ela faz pelo fio? Aqui eu indico a linha Queravit; como o próprio nome já sugere, ela possui queratina na composição que vai fechar as cutículas e recuperar um cabelo que foi danificado anteriormente. A reconstrução recupera, reconstrói a estrutura capilar. Como que preenchesse todos os buraquinhos que um cabelo danificado tiver.

descolorir o crespo

Outra opção aqui é usar o kit Cronograma Capilar. Para quem não nunca fez química no cabelo mas quer prepará-lo, é legal hidratar, nutrir e reconstruir neste tempo. Tendo o Banho de Creme Neutro e o kit, você consegue preparar os fios com enorme facilidade.

Outro ponto interessante é: entender que seu cabelo precisará do dobro de cuidados. Sim, temos um fio delicado e frágil. Se já cuidamos bastante dele sem química, imagina descolorido? Quando ele estará mais seco ainda? Hora de separar sempre um momento para dar mais atenção aos fios e não negligenciar para que ele esteja sempre saudável!

Uma dica legal e fácil é BANHO DE ÓLEO! Minha mãe sempre fazia no cabelo dela e eu continuo fazendo. Gosto muito do Óleo de coco e também do Óleo Nutritivo (um blend de quatro óleos bem potentes). Banho de óleo se trata da atual umectação. Aplica por toda extensão dos fios, deixa agir durante um bom tempo (no mínimo uma hora) e depois enxaguar. Se você está preparando um mês antes, acho legal fazer pelos menos 3 vezes (a cada dez dias).

descolorir o crespo

Por fim, procure um bom profissional para descolorir o crespo!

Quando se trata de cabelo crespo todo cuidado é pouco! Nem todo mundo sabe descolorir o crespo sem tirar a sua forma. É comum recebermos mensagens de meninas que ficaram com o cabelo alisado após a descoloração. Por isso eu bato nesta tecla: procure um bom profissional que tenha ótimas indicações que o seu cabelo ficará sucesso de audiência!

Agora é só se jogar e depois voltar aqui para pegar dicas de como cuidar no dia a dia!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

Tabu: Mulher de Cabelo Curto?

28.fev.2020

Quando se é mulher com cabelo curto, é muito comum ouvir “Por que você cortou o cabelo?”, “Teve alguma doença?”, “Aconteceu corte químico?”, “Por que você não deixa crescer?”. É surreal como tentam impor o próprio gosto no SEU corte de cabelo. 

Cabelos longos sempre foram sinônimo de feminilidade, sendo assim, uma mulher com os fios curtos não é considerada feminina aos olhos de muitos. Entender que cabelo não me define, apenas me completa, não foi rápido! Lá em 2013, quando fiz meu big chop, cheguei em casa e chorei muito porque me senti “menos mulher” com aqueles fios extremamente curtos. É tanto padrão que vemos nas mídias, que chegamos a duvidar da nossa beleza. 

Hoje, quase sete anos depois, eu cortei novamente beeeem curto e não consigo me imaginar com o cabelo maior. Este tabu existe principalmente por machismo, fetiche masculino, aquela sensação de poder do homem sob a mulher. Aquele desenho perfeito do imaginário onde apenas o homem tem cabelo curto e apenas a mulher tem fios maiores.

Sustentar um corte considerado masculino não é fácil. Por isso, muitas pessoas associam a poder, força e independência. Por esta mulher não ligar para as convenções sociais e ousar andar com cabelo curto, ela é uma fortaleza e logo relacionada a uma imagem forte que não se deixa abater. Mas cá entre nós, é bem verdade! Enquanto muitos te olham apontando o dedo e julgando, você permanece plena e sentindo um bom vento na nuca.

Todo tipo e formato de cabelo pode ser curto! Todo tipo e formato de rosto idem! O que difere é procurar um profissional que entenda de visagismo para te valorizar ainda mais. 

Vai por mim: depois que você começa a usar cabelo curto é um caminho sem volta! A tesoura vira sua melhor amiga e a praticidade faz com que você dedique seu tempo em outras tarefas mais relevantes para você.

Se encorajou? Vai fundo e depois posta uma foto me marcando para conferir o resultado!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

Scab Hair: O Que É e Como Tratar

10.jan.2020

Quando começamos a aprender mais sobre nossos fios, principalmente na transição capilar (momento em que o paramos de usar química e lidamos com o cabelo em duas texturas), diversos termos surgem na nossa frente. Faz um tempo eu falei para vocês o que era o tal day after. Hoje eu explico sobre scab hair.

scab hair

O nome pode parecer um pouco estranho, em uma tradução livre scab hair significa “cabelo em cicatrização”. Se trata daquele cabelo que nasce de forma mais aberta e comumente mais frisado. 

COMO SURGE SCAB HAIR

O scab hair começa com a sua raiz prejudicada. Nosso cabelo nasce do folículo, e quando ele está machucado, fragilizado, o cabelo não nascerá em toda sua plenitude. Sendo assim, o scab hair é um problema causado por um couro cabeludo em cicatrização.

Você me pergunta: MAS COMO EU MACHUQUEI MEU COURO CABELUDO, MARAISA? Agressões químicas e mecânicas: relaxamento, progressiva, permanente… Todos aplicados na raiz. Chapinha, secador na hora de fazer escova, apliques, tranças…. Todos feitos sem proteção adequada, sem manutenção e por um período muito longo.

Quando você decide parar com essas agressões, o folículo precisa se recuperar. Assim, durante um período, o cabelo não nascerá totalmente saudável. Ele é o sacb hair! Um cabelo que não é atingido por química mas ao mesmo tempo não está em seu estado “natural”. Por isso, quando você estiver em transição e o cabelo nascer de forma mais aberta e diferente, não se assuste nem pare a transição capilar! A forma final do seu cabelo não será essa!

scab hair
Fonte: Cabelo Saudável

 

COMO TRATAR SCAB HAIR?

E aí? Tem como tratar sem passar a tesoura ou jogar tudo pro alto e voltar para química? SIM!

Como eu disse anteriormente, o “problema” está no couro cabeludo. Logo, ele que sofre a cicatrização e precisa de atenção. Abaixo listo TRÊS DICAS para amenizar e fazer com que rua raiz se recupere rápido.

scab hair

 

1. Massagem com óleo vegetal

Sabe a umectação? Aquele momento em que passamos óleo nos fios antes de lavar? Então! A dica é para você fazer massagem com este óleo vegetal na raiz. Passa óleo com gosto, com vontade e massageie. Se conseguir, pode dormir com ele na cabeça; ou também pode deixar agir uma hora antes da lavagem. 

Minha sugestão: Óleo Poderoso que possui um mix sucesso: baobá, coco e rícino.

2. De dentro pra fora

Suplementos como da linha Força com Pimenta fornecem vitaminas necessárias para o cabelo crescer forte e saudável. Por mais que tratemos do lado de fora, cuidar do lado de dentro é sempre bom. Tomando por três meses seguidos o suplemento, ingerindo água com regularidade e tendo uma alimentação saudável, o cabelo reagirá de uma maneira maravilhosa! Lembrando sempre de consultar sua médica.

Se quiser conferir resultados do suplemento, clique aqui!

3. Diminuir o uso de sulfato

Já é sabido que shampoo com sulfato, quando usado sem interrupção, agride os fios. E isso não apenas para cabelos crespos e cacheados, viu? Todo cabelo sofre com essa agressão frequente. 

É possível sim limpar os fios com shampoos livre de sulfatos e melhorar a saúde do seu cabelo. Como você está com o couro cabeludo prejudicado, o melhor é suavizar tudo o que você puder! E a lavagem é um ótimo começo.

Aqui eu indico o shampoo da linha Cachos e Crespos e também o da linha Botica Cachos.

Com muito carinho e paciência o seu cabelo ficará sucesso de audiência! Não desista dele… É só questão de tempo para que esse período de scab hair passe. 

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

4 Dicas Para Arrasar no Day After dos Crespos

11.dez.2019

Já começo este post com questionamentos: mas afinal, o que é “Day After”? Por que será interessante saber sobre para cuidar dos cabelos crespos ? Traduzindo do inglês, day after quer dizer: dia seguinte. Aí você me pergunta “Dia seguinte do que Maraisa?” e eu te respondo: O dia seguinte após lavar e finalizar os fios.

Por que é importante saber sobre Day After dos cabelos crespos?

Agora eu responderei o segundo questionamento feito lá no começo do post: é importante sabermos sobre porque quando se tem cabelo crespo, não é recomendado lavar todos os dias. Normalmente lavamos os fios uma vez por semana e, em estações mais quentes, lavamos no máximo duas. Claro que isso pode variar de pessoa para pessoa, há quem precise lavar com mais frequência porém utiliza um co-wash (condicionador de limpeza). Lavagem com shampoo mesmo, aproximadamente uma vez por semana. 

Isso porque o cabelo crespo é seco por natureza e quanto mais sabão colocarmos, mais seco ele ficará. Não existe a necessidade de lavar mais vezes e, além disso, você expõe o fio às agressões externas.

crespo day after

Voltando para o Day After, como lavamos com menos frequência, precisamos pensar em como deixar os fios bonitos exatamente como no dia em que finalizamos, e é aí que fica a dificuldade para muitas pessoas.

DICAS PARA REVITALIZAÇÃO DO DAY AFTER

1. Use e abuse dos óleos

Óleos capilares, além de nutrir, conseguem doar brilho ao cabelo e fazer com que pareçam recém finalizados. O que faço muito no day after é acordar, passar óleo nas mãos e aplicar no cabelo com cuidado, reativando a finalização anterior. O legal é que os óleos também diminuem a incidência de frizz.

Óleo de Argan e Cártamo é sucesso para o day after dos crespos! Com válvula pump, facilita a aplicação corrida logo pela manhã.

crespo day after

Outras opções que gosto muito e indico: SillitanÓleo Poderoso e Óleo de Coco.

crespo day after

 

2. Usar fronha de cetim para dormir

Faz pouco tempo escrevi um post sobre a fronha de cetim e seus benefícios. Ela diminui o atrito do cabelo amenizando o frizz; além de não reter tanta água como as fronhas de outros tecidos. Vale ler o post e depois testar em casa!

 

3. Gelatina tem um efeito fixador maior nos cachos

Percebi isso com o tempo: a Gelatina da linha Botica Cachos deixa o cabelo com muita definição e por bastante tempo. Desta forma, quando você finaliza com ela sozinha ou acompanhada (dá também para misturar! Sugiro misturar com Finalizador Botica Cachos ou Finalizador Cachos & Crespos ou Finalizador Umectante), o day after é extremamente mais tranquilo. No meu caso é só puxar os cachinhos que amassaram durante o sono e pronto!

crespo day after

 

4. Seque naturalmente ou com o difusor

Quanto menos agressões externas (e aqui a gente insere o vento natural, do secador sem difusor e do ventilador) mais tempo aquela finalização durará. Como eu sei que é bem difícil as vezes termos tempo para secar naturalmente, sempre opto pelo difusor que espalha o vento e acelera a secagem sem prejudicar tanto o cabelo (lembre sempre de usar um finalizador com proteção térmica como o da linha Cachos & Crespos).

Por fim, teste diversas formas de finalizar o cabelo até descobrir qual funciona mais para você! Sim, a maneira como você passa seu creme para pentear também influencia no day after. Cada cabelo reage de uma forma e para saber qual a mias adequada não há outra forma a não ser testando. Entretanto, depois que você descobre, é maravilhoso!

Agora é só correr para testar essas dicas e arrasar no day after!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

Carregar Mais