Naturalmente Bonita

Como dar volume aos cachos com as escovas Michel Mercier

Testei e aprovei três modelos das lindíssimas escovas Bio Extratus Michel Mercier. Eu já tinha a primeira versão da escova e gostei muito das novidades no design, além de ter me apaixonado pelos novos modelos.

Acho incrível que hoje tenhamos tantas opções de escovas que atendam as necessidades dos cabelos crespos e cacheados. Mas nem sempre foi assim…

Quando eu era criança detestava desembaraçar o meu cabelo. Aprendi cedo que a única possibilidade de tirar os nós que se formavam no cabelo crespo era com muito creme e paciência, durante o banho. Ainda assim, era um processo trabalhoso, dolorido e cansativo, pois sempre fui muito cabeluda e gastava em torno de meia hora para desembaraçar tudo. Mesmo com todo o cuidado, o cabelo quebrava bastante.

Quando eu ia à piscina ou à praia, a situação ficava ainda mais crítica, pois o cabelo voltava tão seco e embolado que tinha que pedir ajuda à minha mãe para tirar todos os nós. Era uma luta: ela puxava o cabelo de um lado, eu reclamava que estava doendo do outro e às vezes uma de das duas perdia a paciência. Cansada desse desgaste, lembro de ter recusado a ajuda dela e dito que eu já era capaz de desembaraçar o meu cabelo sozinha.

Durante as férias de verão, eu ia à piscina diariamente e o cloro presente na água contribuiu para a formação de nós, próximos ao couro cabeludo, que foram acumulando. Quando já não podia mais para ignorá-los, pedi a ajuda da minha mãe para desfazer o “ninho” que se formara, mas o cabelo estava tão embaraçado que foi preciso cortar uma parte.

Naquela época, não havia produtos para cabelos crespos e cacheados, nem tínhamos acesso a informação sobre cuidados com os a saúde dos nossos fios. Lembro de ler em várias revistas que o cabelo cacheado deveria ser desembaraçado com pente de madeira, para reduzir o frizz. Será que estavam falando mesmo do meu cabelo? Pentear o cabelo crespo e cacheado seco faz com que ele fique naturalmente frisado e super volumoso, o que hoje considero interessante para estilizar e criar penteados, quando feito eventualmente, mas quando eu era criança e adolescente não me sentia preparada para usar o cabelo super armado daquela maneira.

Nos anos 90, os pentes de madeira e as escovas disponíveis no mercado frequentemente quebravam ou ficavam sem as cerdas, que eu encontrava perdidas em meio aos meus cachos.

Era comum também que as escovas descolassem com facilidade, provavelmente porque não eram adequadas para usar durante o banho. O resultado é que eu sempre precisava comprar escovas novas.

Ao lançar escovas de cabelo que atendem às diferentes necessidades, espessuras (do fino ao grosso) e texturas (do liso ao crespo), a Bio Extratus certamente contribui para que o ato de pentear o cabelo seja uma memória mais prazerosa e saudável, além de bela, no futuro.

Confiram aqui o vídeo que gravei com as escovas, que além de lindas são ótimas para desembaraçar, fazer fitagem, usar no banho, levar em viagens e porque não pentear o cabelo seco celebrar o frizz? 

Qual é a sua escova favorita? Você prefere fitagem ou usar o cabelo com bastante frizz? Conte para a gente, aqui nos comentários.

Nanda Cury

Criou o Blog das Cabeludas, Crespas e Cacheadas em 2008 e é uma das idealizadoras da Marcha do Orgulho Crespo Brasil (2015). Ambas iniciativas tem objetivo de empoderar mulheres a aceitarem seu...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *