Naturalmente Bonita

Transição Capilar na Quarentena? 6 Motivos Para Começar Já!

Conversando com minha amiga esses dias sobre cabelo, veio o tema transição. Do nada ela fala “Nossa, a quarentena é um bom momento para fazer transição capilar, né?”. Parei, fiquei olhando para o nada e pensando no que uma transição capilar acarreta, e depois respondi em caixa alta “EEEEEITA! CONCORDO MUUITO!”. Óbvio que você vai me questionar o motivo pelo qual nós duas concluímos isso; e é aí que o assunto virou tema de post! Vou listar seis motivos pelos quais a transição na quarentena é uma boa pedida:

transição capilar

6 Razões Para Aproveitar o Isolamento Social Para Fazer Transição Capilar

1. Praticamente não estamos saindo de casa

Sendo assim, a preocupação (por muitas vezes exagerada) com a estética do cabelo, não precisa existir de maneira tão intensa. A transição nos deixa com duas texturas no cabelo: a da raiz crescendo (crespa, cacheada ou ondulada) e comprimento e pontas que possui a química que usávamos até então. Lidar com essas duas texturas não é uma tarefa fácil, ainda mais quando saímos com frequência e queremos tentar uniformizar a aparência dos fios. 

Estar em casa nos deixa mais livres para não fazer nada e permitir que este cabelo tenha sim duas texturas e demonstre sua beleza no seu próprio tempo.

2. Os salões estão fechados

Sim, eu sei que essa parte é chata para quem ama uma conversa de salão, mas é o que temos para hoje! Quem faz química já sente a diferença na raiz crescendo e não tem como reaplicar agora. O que acha de deixar o fio natural e saber como é este cabelo, hein!? As vezes você enrolava tanto para fazer a transição capilar, se punha tantos empecilhos que este pode ser o momento ideal para essa mudança. 

3. Excesso de tempo e falta de foco

Muito tempo ocioso e a nossa cabeça a mil faz com que não tenhamos foco em nada. Tem quem produza loucamente nesta quarentena, mas tem também quem não consegue se concentrar porque vivemos um período de muitas incertezas. Falta distração, falta desligar um pouco. Doar carinho para seu cabelo é um momento de autocuidado e onde você pode esquecer um pouquinho do que tá acontecendo na sua vida. Como você precisará conhecer seu fio, entender como ele funciona e testar muitas coisas para ver o seu melhor resultado, precisará de muito tempo. E o que temos na quarentena? TEMPO DE SOBRA (risos nervosos)

4. Dá para disfarçar a raiz com mais facilidade

Nossa! Com o advento das vídeo chamadas (para alegria de muitos e cansaço de outros tantos), é muito mais fácil arrumar o cabelo para a parecer na telinha no computador. Conseguimos dar o truque lindamente, colocar uma faixa, fazer um penteado sem sentido, trançar… E tudo isso sem muita perfeição porque a qualidade dos vídeos não é full hd ou 4k hahahaha. Sem estresse o cabelo vai crescendo pleno. E o melhor: sem agressões mecânicas como excesso de chapinha (ou prancha em algumas regiões).

transição capilar

5. Menos opiniões alheias

Um dos principais motivos pelos quais as pessoas adiam a transição capilar é autoestima. A sociedade nos apresentou por muito tempo um padrão de beleza e, conseguir abdicar dele, não é uma tarefa fácil. A gente se olha no espelho e não consegue gostar do que vê. “Como vou sair de casa assim? Como vou ver pessoas com o cabelo deste jeito?”. Sim, o foco é “O que as pessoas vão pensar de mim?” e vejam só! Como eu falei lá em cima: não estamos saindo de casa (exceto quem realmente precisa) e nem vemos tantas pessoas assim! Quer motivo melhor que esse? Você pode iniciar sua transição capilar pouco se importando para o que os outros vão pensar porque esses outros nem te verão!

6. Se conhecer

Calma! Tá bem longe de mim falar que este período é um bom momento para você olhar pra dentro de si, meditar e blá blá blá. Tem que ter muito cuidado com esse discurso porque é uma minoria que pode ficar em casa sem se preocupar com itens básicos de sobrevivência. Mas o que eu digo é: Conhecer o seu fio, conhecer sua história, entender como ele reage e ver se você realmente não gosta do seu cabelo natural.

Com o cuidado, com os dias passando, e com o crescimento dele, você tem mais tempo para lavar este cabelo, fazer uma hidratação, quem sabe até iniciar o cronograma capilar que você sempre adiou! Isso também é se conhecer! 

Uma dica final é: faça tudo no seu tempo. Tentar se forçar a algo, se encaixar ou corresponder a alguma expectativa ALHEIA é a pior coisa. Quarentena não tá fácil pra ninguém, então que levemos este período da melhor forma que conseguirmos, sem cobranças.

Este post serviu mais como um empurrãozinho para quem estava com dúvidas se começava ou não a transição. Se no final das contas você decidir voltar para a química, está tudo bem: você não é melhor nem pior por isso tá?

Qualquer dúvida, dá uma olhada neste post que a maravilhosa Bianca Sales fez com dicas sucesso de audiência para atravessar a transição capilar!

Maraisa Fidelis

Paulistana de 28 anos completamente apaixonada pela família. Formada em marketing mas escolheu trabalhar com beleza, que é o que lhe encanta. Fala feito louca, ri descontroladamente e quer apenas aj...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *