Por que é tão difícil aceitar um elogio?

– Que pele linda!
– Ah! Estou de maquiagem, precisa ver quando tiro.
– Como você explica bem!
– Ah, só alguns assuntos…
– Seu cabelo está maravilhoso!
– hahaha É raridade! Hoje ele acordou de bom humor!
– Que texto bem escrito!
– Você acha mesmo?
– Você é muito bonita!
– Hummm… ah, obrigada! (Mas sem acreditar no elogio recebido)

Tenho certeza que vocês já passaram por alguma situação assim, ou mesmo viram acontecer com alguém. Por que não acreditamos em nós mesmas? Por que vivemos na dúvida? Por que não acreditar na nossa beleza, em nossos talentos e nossa capacidade profissional? Por que tanta dificuldade em aceitar um elogio?

Tenho me feito essas perguntas há alguns meses, quando percebi que ficava sem graça se fosse elogiada. Consciente dessa minha atitude, comecei a olhar todas as mulheres que me cercam, até mesmo algumas nas redes sociais, e o comportamento se repetia (salvo raras exceções). Era um sorriso amarelo, uma cara de dúvida, uma descrença no próprio “taco” e por aí vai.

A primeira coisa que vem na cabeça é: “Essa pessoa está falando sério? Não é só para me agradar? Duvido! Aposto que tem outras intenções nesse elogio!” O mundo ficou tão perverso, tão perfeccionista, exigindo alegria constante e beleza padronizada que nós perdemos a autoconfiança e qualquer elogio parece deboche, ou mentira, ou tem segundas intenções, ou a pessoa está louca. Em ÚLTIMO caso pensamos: “Nossa, mas eu estou bonita mesmo!”

Isso tudo foi tão colocado na nossa cabeça (mesmo que de maneira implícita) desde sempre, que hoje não conseguimos crer nas nossas qualidades. Chato entender que nós, mulheres, fomos criadas de uma forma tão rude a ponto de competirmos umas com as outras. Sempre foi isso que esperavam de nós: uma eterna competição para ver quem tinha mais dotes, quem casava primeiro, quem tinha filhos primeiro e quem era a mais bem-sucedida NO CASAMENTO. Olhar-se no espelho e começar a ver as próprias qualidades? NEM PENSAR! MAS QUE OUSADIA!

Todavia, existe algo muito bacana chamado TEMPO. Aaaah o tempo! Ele leva muitas coisas e traz tanta revolução, traz lucidez e desta vez trouxe força, inteligência e poder suficiente para a mulher tomar conta de si e perceber que a felicidade já está nela. Ela se basta e precisa apenas de alguém que a transborde. Não precisamos de opiniões alheias para termos a certeza do quão bem fazemos determinadas tarefas ou mesmo da nossa beleza. O elogio é apenas a confirmação de que estamos no caminho certo ou um gesto de carinho que podemos agradecer e continuar a vida.

Já pensou que legal pegar todos os elogios recebidos e guardar em um local especial dentro de nós? Acumular elogios em papéis e depois ler tudo no final do ano ou em algum momento de tristeza? AGRADEÇA! Mas agradeça de coração e entenda que você é capaz de muito mais do que imagina! Os elogios existem para serem distribuídos e recebidos com afeto, com alegria e amor.

Que tal a partir de agora agradecer os elogios e ficar feliz com as palavras escutadas? Se alguém parou para te rescrever algo bom, ou falar algo que te enalteça, por que se colocar pra baixo? Por que se inferiorizar? Por que simplesmente não falar “Siiim! Meu cabelo está lindo mesmo hoje!”?

Sei muito bem que você pode me falar que isso é coisa de gente metida, que as pessoas interpretariam mal e tantos outros argumentos. Mas aí eu só digo uma coisa: se nós não nos amarmos, quem vai? Mamãe sempre me disse isso e eu levo para a vida. Tente ver de uma forma mais simples ainda: o elogio serve para te empurrar pra frente e te mostrar que está no caminho certo. Apenas aceite e seja feliz!

Beijos

Top 3 produtos para proteger os fios na piscina/praia

O verão está reinando plenamente por aí. Sol, piscina, praia, mar, mais banhos por conta do calor e mais agressões externas, tanto na pele quanto no cabelo. Siiiiiim, nosso cabelo sofre se não tivermos os cuidados adequados.

Fios ressecados, sem vida, desbotados (quando tingidos), opacos e até “queimados” de tanta exposição solar. Esses são alguns dos resultados, caso fiquemos torrando no sol sem nada no cabelo. Acho que não é uma boa ideia não é mesmo coleguinhas? hahaha

Sendo assim, eu separei alguns produtos que mais gosto e acho maravilhosos para proteger os cabelos, na praia e na piscina. Não importa! Se vai ficar no sol, mar ou água com cloro, melhor prevenir do que depois chorar o leite derramado, nénôm?

1. Creme Silicone Tutano
Faz exatamente um ano que descobri esta função do creme mais famoso da Bio Extratus: protege os fios ANTES de entrar no mar ou na piscina. Isso porque ele forma uma camada que impede o ressecamento do cabelo; ação nociva da poluição, poeira, vento, cloro, sol… TODOS OS AGENTES EXTERNOS TÍPICOS DO VERÃO! Basta aplicar um pouco no cabelo quando estiver se arrumando e deixar agir. Depois, quando lavar a cabeça, você perceberá o toque macio dos fios e que não houve grandes danos porque você foi uma pessoa esperta e se precaveu!

2. Finalizador Pós-Coloração
AAAAh! Goji Berry é o sucesso desse produto. Por sua ação antioxidante, ele faz com que o brilho e a cor permaneçam por mais tempo, mesmo em situações adversas. Essa é uma opção para quem tinge os fios e sofre com o desbotamento constante. No verão é incrível como o cabelo desbota mais rápido! Sugiro passar também antes de sair e reaplicar após um banho de mar ou piscina. Proteção para os cabelos coloridos NUNCA é demais. É um creme leve, com fragrância maravilhosa, que penetra facilmente em todos os tipos de cabelos. Contém filtro solar! \o/

3. Finalizador Termoprotetor Shitake
Contém filtro solar e é indicado para cabelos desvitalizados. Essa linha é excelente, pois promove uma reconstrução nutritiva nos fios e nada melhor do que o produto agir enquanto você toma aquele sol maroto e lê um livro deitada na canga. A fragrância é uma coisa de louco de tão gostosa, tem textura fluida, também indicado para todos os tipos de fios. Reduz porosidade, alinha as cutículas e ainda protege das agressões externas. Quer mais, meu abôr?

Três opções para você escolher qual melhor se encaixa no seu caso OU alternar de acordo com a necessidade do seu fio. Sinceramente, eu gosto muito de alternar as linhas, já falei isso aqui algumas vezes, então eu deixo para vocês!

Não posso esquecer de uma última dica: Por favor, usem o filtro solar SEMPRE! Não dá para colocar o pezinho fora de casa sem um protetor no rosto e no corpo, sua saúde agradece! hahahha

Depois me conta quais seus cuidados para proteger os fios no verão?

Beijos
Mah

 

 

Ano novo, cabelo novo!

Oie!

Começamos o ano e, desta vez, não vim falar de mim, Maraisa Fidelis. Hoje falo da minha mãe! Sim: Edna Fidelis, mais conhecida como Mamãe Diva (por que Mamãe Diva Maraisa? Porque é só olhar para ela e vocês verão a plenitude! Minha mãe é uma diva Braseeeeel! HAHHAHAHAHA. Tá, falando sério eu não sei quando e por que eu e minha irmã começamos a chamá-la assim; só sei que ficou).

A história começa lá em 2013, setembro, quando eu fiz o meu big chop (ou grande corte – quando se tira toda a química dos fios). Estava sozinha no salão, sem meu namorado ou minha mãe para me apoiar. Cheguei em casa, sentei no chão, coloquei a cabeça nos joelhos da mamãe, que estava sentada no sofá, e desabei a chorar. Me achei feia, me senti péssima. Naquele momento, minha feminilidade tinha escoado pelo ralo; meu lado feminino estava no cabelo! Como eu faria?

Mamãe ficou tão mal que cogitou cortar o cabelo dela igual ao meu. Mãe é mãe, né? Mas no dia seguinte eu já estava outra pessoa e pronta para encarar a saga dos fios naturais. Mamis continuou com a química.

– Pausa para entender a química no meu cabelo e no cabelo de mamãe –

Eu já usei diversas químicas no cabelo: relaxamento, permanente e alisamento. Minha mãe sempre usou uma: henê. O henê é tenso porque nada vai com ele! É uma das químicas mais fortes e incompatíveis. Porém, desde quando me conheço por gente, mamãe tinha os fios alisados pelo henê. Foram 28 anos dessa dependência.

De 2013 pra cá, eu conversei com mamãe diversas vezes para ela deixar o cabelo natural, mas e o medo? E o receio de não saber cuidar? E a coragem de cortar a química ou ficar com duas texturas? Aproximadamente no meio de 2017, ela decide largar o henê e começa a transição.

Neste período, ela só usou a linha Força com Pimenta. O foco era fazer o cabelo crescer e ao mesmo tempo deixá-los fortes. Toda a linha foi pensada para o crescimento dos fios, o legal é que tem embalagens de diversos tamanhos e, como seria um tempo grande de transição, optamos pelas apresentações de 1kg. Foi sucesso de audiência. Mamãe percebeu que os fios novos vinham mais fortes e começou a ver qual o formato deles. Além disso, viu brilho e um crescimento mais rápido do que o habitual.

Chegamos no final do ano, dezembro, mês do aniversário da mamãe e lá vamos nós no salão: ela cortou! Sinceramente? Eu achei que na hora ela não cortaria. VINTE E OITO ANOS cuidando do cabelo da mesma forma é tempo! Mudar assim, depois dos cinquenta, requer muita, mas muita coragem e determinação. Digo isso porque a época é diferente. Por mais que mamãe seja minha melhor amiga, ela viveu muito mais e cresceu num mundo completamente diferente. Mudar é preciso, mas também doloroso. Principalmente quando envolve a nossa imagem e autoestima.

Entretanto, me enganei e ela cortou. Sim, eu vi o medo nos olhos dela. Medo de como cuidar depois daquele momento, medo de não se reconhecer no espelho, medo do papai não gostar do corte (mamãe e papai são muito grudados e cada passo dado, um conta pro outro. Isso é assunto para outro momento, uma relação tão fofa que eu me divirto! hahahhahha). No fundo, o medo era do desconhecido, de ver o cabelo natural novamente e saber cuidar. Mas mamãe esqueceu de uma coisa, né? OLHA A FILHA QUE ELA TEM!

Então, lá vamos nós alternar as linhas! Sim, eu adoro fazer isso: alternar linhas em uso no cabelo. Agora mamãe usa Força com Pimenta e Botica Cachos Perfeitos. Ainda queremos estimular o crescimento dos fios e, em alguns momentos, “pegar leve” na lavagem com um shampoo sem sulfato ou mesmo co wash. O finalizador é Botica Cachos Perfeitos, para estimular os cachinhos de mamis.

Sabe o mais legal disso tudo? Que o cabelo da mamãe é completamente diferente do meu! Ela possui cachos mais abertos e não tão secos. Meus cachos são bem miúdos e às vezes zigues-zagues, fora que eu preciso de produtos com bastante óleo para um resultado bom, além de uma grande quantidade de finalizador. Já no cabelo dela, usamos bem menos para um bom resultado e com brilho absurdo!

E que seja bem vindo o ano de 2018, com cabelo novo e muitos cuidados. Por hora mamis parou de tingir, mas quando ela voltar, lá vamos nós com a Pós-Coloração. \o/

Lembrando que NÃO IMPORTA o que você faz no seu cabelo. Eu sempre gosto de deixar isso claro. Você pode usar química ou não; deixar alisado ou cacheado; relaxado ou natural; ninguém tem nada com isso. A única coisa que eu indico é: cuide dos seus fios e seja feliz com seu espelho!

Mamis tá feliz e foi tudo no tempo dela. <3

Beijos

Fios coloridos exigem um cuidado maior

Volta e meia me perguntam como consigo manter os cabelos coloridos sem danificar. Pinto os fios desde 2015 e creio que acabou virando uma “característica” minha. “Qual será a próxima cor que Maraisa colocará no cabelo?” Sim, é uma pergunta frequente porque eu gosto MESMO de mudar.

Antes de falar dos meus cuidados, quero muito comentar algo! Na época em que não tinha nenhuma tintura no cabelo, eu era outra pessoa. Sim, já era uma mulher confiante com o crespo natural, sem química, mas uma pessoa okay. Na minha cabeça, como sempre ouvi dizer, crespo não combinava com cor e assim eu o mantinha. Eis que, em maio de 2015, eu comecei a aventura e não parei mais! O que mudou em mim? MUITA COISA! Hoje eu vejo que posso pintar o cabelo de todas as cores que imaginar. Hoje eu sei que cabelo crespo combina sim com tinta, é só escolher uma que você goste e tá linda. Hoje eu sei, também, que o comprimento de um cabelo não dita minha feminilidade (digo isso porque essa noção veio depois que comecei a pintar). Isso tudo para dizer que: se tem vontade de pintar o cabelo, pinte! A vida é curta demais para não realizarmos esses pequenos desejos.

Agora sim, falo dos cuidados: um cabelo colorido exige MUITO cuidado. Não é apenas tingir, descolorir ou tonalizar no salão e pronto. O cuidado em casa faz toda a diferença na saúde dos fios. Eu sempre digo que é impossível ter cabelos coloridos se não tiver tempo disponível para cuidar.

Gosto muito de alternar linhas porque cada uma tem um ativo, composições que se complementam e no final suprem toda a necessidade dos fios. A primeira linha que comento é a Botica Cachos Perfeitos; desde o seu lançamento eu não parei de usar! O produto queridinho é a máscara (disponível em dois tamanhos, 250g e 450g) que consegue recuperar qualquer cabelo! Até a Jo do Futilidades também usa depois da minha indicação. Contém microqueratina vegetal e baobá na composição que, juntos, nutrem, reconstroem e possuem diversas vitaminas como A, C, D, E e F.

Outra que uso é mais recente: a linha Pós-Coloração. Fornece brilho e protege a cor, fazendo com que ela não saia com tanta rapidez após as lavagens. Isso é possível porque contém goji berry na composição, que se trata de um poderoso antioxidante. A cor oxida muito rápido no cabelo e perde sua vitalidade, a função do goji berry é manter essa cor sem oxidar.

Os favoritos da linha são o shampoo e o banho de creme. O shampoo me impressiona porque ele é liberado para quem segue e técnica low poo e limpa MUITO BEM sem ressecar. Um shampoo lotado de sulfato retira demais a vitalidade da cor; esse consegue manter. O banho de creme é um caso à parte porque tem uma fórmula bem concentrada e textura consistente. Hidrata e nutre profundamente este fio que precisa de cuidados especiais (ainda mais os meus que são descoloridos).

Eu lavo com o shampoo da linha Pós-Coloração e, se um dia uso a máscara Botica Cachos Perfeitos, na lavagem seguinte uso o banho de creme Pós-Coloração. Isso tem ajudado DEMAIS a manter a saúde do meu crespo e a cor por mais tempo.

O legal é sempre ler sobre as linhas e combiná-las no seu cuidado diário. Com esse costume, o cabelo estará sempre saudável e com “tudo em dia”: nutrição, hidratação e reconstrução. Depois de um certo tempo cuidando dos fios em casa, a gente começa a perceber como ele reage e a entender do que ele precisa.

A cor é muito legal e divertida, mas não podemos esquecer de cuidar!

Beijos!
 

Conhecendo o lançamento: linha Pós-Coloração

Só de pensar que neste ano eu já passei por mais de dez cores no cabelo vejo o quanto sou inquieta. Uma aquariana instável (adoro jogar a culpa no signo) que volta e meia muda de ideia e não consegue sossegar com uma cor no cabelo por muito tempo. Mas e os cuidados? Como lavar o fio sem que ele perca o brilho, sem que a cor se esvaia pelo ralo, sem prejudicar com a agressividade dos produtos aplicados?

Eis que PARA NOSSA ALEGRA, Bio Extratus lança a linha Pós-Coloração. Ideal para quem quer lavar os fios de maneira delicada, hidratar, manter a cor e ainda deixar com muito brilho.
O ingrediente principal é Goji Berry por seu alto poder antioxidante. A oxidação dos fios (fatores externos e lavagens) facilita a saída da cor. Quanto mais conseguimos proteger, mais tempo deixaremos de ir ao salão. hahaha

Ao todo são cinco produtos

Shampoo, transparente e perolado, faz uma lavagem suave e ao mesmo tempo eficaz. Não possui sulfato, sal, petrolatos, parabenos nem silicones em sua composição. A fragrância é maravilhosa e deixa os fios com um toque macio. Limpa sem agredir.

O condicionador deixa um brilho e maciez inacreditáveis. A textura dele é na medida para quem precisa repor alguns nutrientes que o cabelo perde com a coloração

Ah! Vale mencionar que a linha inteira é LOW POO, indicada para quem faz esta técnica que reduz o uso de sulfato nas lavagens.

O Banho de Creme é algo de outro mundo! Fragrância, textura, eu estou completamente apaixonada por ele. Sim, amei a linha como um todo, mas pele merece tantos elogios que eu poderia escrever um post todo apenas sobre suas qualidades.
Textura mais densa, penetra nos fios de maneira rápida deixando maciiiio que só. Na retirada é visível a diferença do cabelo: cor com brilho, macio, cheiroso e hidratado.
Além disso podemos misturar o banho de creme com o matizante ou mesmo com o pigmento para quem pinta de cor fantasia. Ou seja, você ao mesmo tempo que colore os fios cuida. Sério, é surreal!

Finalizador tinha que vir com filtro solar né? Já que os raios UV são um dos motivos pelos quais os fios coloridos desbotam. Desembaraça de maneira condicionante, protege e é indicado para todos os tipos de cabelo. Desde que seja colorido, tá valendo!

Deu para perceber o quão fascinada fiquei com este lançamento né? Espero que vocês também gostem e saibam que a marca trouxe diversos tamanhos para nos alegrar. Já quero meu Banho de Creme de 1kg porque meus fios agradecem! HAHAHHAHAHA

Beijos
Mah