Naturalmente Bonita

Enxaqueca: Causas, sintomas e tratamentos

enxaqueca 1

Quem nunca teve uma dorzinha de cabeça? Mas cuidado, pode ser enxaqueca.

A enxaqueca é uma doença neurológica crônica que afeta 15% da população brasileira.

Ela se caracteriza por ser uma dor pulsátil em um ou até mesmo nos dois lados da cabeça, geralmente acompanhada de fotofobia e fonofobia, vômito e náusea. A crise pode variar de 4 a 48 horas.

Segundo o Ministério da Saúde, de 5 a 25% das mulheres e 2 a 10% dos homens tem enxaqueca. A enxaqueca é predominante em pessoas com idades entre 25 e 45 anos.

Prevenção

Você pode adotar alguns hábitos que ajudam na prevenção da enxaqueca:

  • Manter um diário da enxaqueca. Anote a data e a hora da enxaqueca, todos os alimentos que comeu, atividades que participou e medicamentos ingeridos;
  • Fique atento aos gatilhos psicológicos, como estresse e ansiedade;
  • Procure um médico que lhe indique o medicamento preventivo mais apropriado.

Causas

As causas exatas da enxaqueca são desconhecidas, embora se saiba que elas estão relacionadas com alterações do cérebro e possuem tendência genética.

No entanto, já se sabe que existem algumas causas que podem ativar as crises, tais como

  • Estresse;
  • Jejum prolongado;
  • Dormir mais ou menos do que o de costume;
  • Mudanças bruscas de temperatura e umidade;
  • Perfumes e outros odores muito fortes;
  • Esforço físico;
  • Luzes e sons intensos;
  • Fatores hormonais: é comum mulheres portadoras de enxaqueca apresentarem dor nas fases pré, durante ou após a menstruação;
  • Alimentos e bebidas: queijos amarelos envelhecidos, frutas cítricas (principalmente laranja, limão, abacaxi e pêssego), carnes processadas, frituras e gorduras em excesso, chocolates, café, chá e refrigerantes à base de cola, aspartame (adoçante artificial), glutamato monossódico (tipo de sal usado como intensificador de sabor, principalmente em comida chinesa), excesso de álcool.

Sintomas de Enxaqueca

Entre os sintomas de enxaqueca estão:

  • Crise de cefaleia durando de quatro a 72 horas, unilateral e pulsátil;
  • Náusea;
  • Vômitos;
  • Bocejos;
  • Irritabilidade;
  • Sensibilidade à luz;
  • Sensibilidade ao som;
  • Sensibilidade ao movimento do corpo ou do ambiente;
  • Tontura;
  • Fadiga;
  • Mudanças de apetite;
  • Problemas de concentração, dificuldade para encontrar as palavras.

Diagnóstico de Enxaqueca

Seu médico vai querer ter certeza de que não existem outras causas para sua enxaqueca. Assim, é provável que ele faça exames físicos e neurológicos.

Para ser diagnosticada a enxaqueca, o paciente precisa apresentar pelo menos cinco crises com essas características:

  • Crise de cefaleia durando de quatro a 72 horas (tratamento fracassado ou não realizado);
  • Cefaleia tendo pelo menos duas das seguintes características: unilateral e pulsátil;
  • Dor de intensidade moderada a intensa;
  • Dor agravada ou impedindo atividade física rotineira (caminhada, subir escadas, etc);
  • Durante a cefaleia, ocorrência de pelo menos um destes sintomas: náusea e vômitos, fotofobia e “fonofobia”;
  • Nenhum outro diagnóstico que explique a cefaleia.

Tratamento de Enxaqueca

Antes de iniciar o tratamento para enxaqueca, é preciso saber o diagnóstico e qual o fator que ativa essa dor. A indicação, no entanto, dependerá de cada caso.

Convivendo/ Prognóstico

Durante uma crise de enxaqueca, siga essas recomendações:

  • Tome o medicamento: pessoas que tem enxaqueca frequente devem sempre andar com seus medicamentos.
  • Entenda o que alivia a sua dor:  alguns dos tratamentos não medicamentosos mais comuns incluem compressas quentes ou frias, massagens, terapia de biofeedback, homeopatia e acupuntura
  • Descanse em um local escuro e silencioso: durante uma crise de enxaqueca, o paciente não suporta ambientes barulhentos e com muita luz. Por isso, o ideal é se sentar ou deitar, o que for mais confortável, em um local com pouca luz e sem barulhos.
  • Faça refeições leves e hidrate-se: beba muito líquido, tanto água quanto soluções hidratantes disponíveis no mercado. Em caso de vômito, o melhor é não ingerir alimentos sólidos.

 

Naturalmente Bonita

Blog com informações preciosas no cuidado com os cabelos, pele, unhas e maquiagem, além de muitas novidades em moda, produtos e lançamentos de beleza!

1 Comment

  1. Jene

    16 set at 2:33

    eu nao sinto nao. muito raramente e tenho mtiaus crises de enxaqueca, porem quando a pessoa tem um crise omelhor e9 deitar e ficar em um ambiente escuro e sem sons. que alivia muito.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *