Naturalmente Bonita

Cabelos disciplinados e sem friz, sem colocar sua saúde em risco

Acordar linda e ter os fios mais lisos, disciplinados e sem frizz, sem precisar perder tempo com chapinhas e secadores, é o sonho da maioria das mulheres. Esse sonho tornou-se possível desde o ano 2000, época em que a escova progressiva surgiu e começou a ganhar cada vez mais adeptos.

Mas com essa nova técnica surgiram também vários problemas, o principal deles foi relacionado ao uso do formol, que transformou o alisamento em um verdadeiro pesadelo para os usuários e para os cabeleireiros.

– Mas o que é o formol, por que ele faz mal para saúde?

O formol é um composto tóxico usado principalmente para a conservar tecidos humanos, evitando sua decomposição. Em doses altas e sob o calor do secador, se torna um gás altamente nocivo à saúde.

A ANVISA não registra alisantes capilares que tenham como base o formol em sua fórmula. O formol, nas concentrações permitidas não tem função de alisante. A substância só tem uso permitido em cosméticos nas funções de conservante (limite máximo de uso permitido 0,2%, e como agente endurecedor de unhas (limite máximo de uso permitido 5%).

O formol é considerado cancerígeno pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Quando absorvido pelo organismo por inalação e, principalmente, pela exposição prolongada, apresenta como risco o aparecimento de câncer na boca, nas narinas, no pulmão, no sangue e na cabeça.

– Quais são os riscos que o formol apresenta?

As reações do uso do formol podem ser:

  • Contato com a pele – Tóxico. Causa irritação à pele, com vermelhidão, dor e queimaduras.
  • Contato com os olhos – Causa irritação, vermelhidão, dor, lacrimação e visão embaçada. Altas concentrações causam danos irreversíveis.
  • Inalação – Pode causar câncer no aparelho respiratório. Pode causar dor de garganta, irritação do nariz, tosse, diminuição da frequência respiratória, irritação e sensibilização do trato respiratório. Pode ainda causar graves ferimentos nas vias respiratórias, levando ao edema pulmonar e pneumonia. Fatal em altas concentrações.
  • Exposição crônica – A frequente ou prolongada exposição pode causar hipersensibilidade, levando às dermatites. O contato repetido ou prolongado pode causar reação alérgica, debilitação da visão e aumento do fígado.

– Quais os riscos de realizar uma Escova Progressiva à base de Formol?

Nos cabelos, em altas quantidades ele tem o poder de conservar o formato dos fios no estado em que foi moldado. Apesar de deixar o cabelo liso por meses, o resultado do uso é o enfraquecimento dos fios e ressecamento, pois causa danos à cutícula dos fios. O formol é responsável por dissolver as moléculas dos óleos que envolvem os fios do cabelo o que, acarreta, no endurecimento dos cabelos. Além disso, o brilho que o ele proporciona aos cabelos é uma ilusão, algo que dura pouco tempo, isso porque o essa substância é responsável pela formação de uma película vítrea que envolve os fios e que concentra os nutrientes, a qual, contudo, é eliminada após algumas lavagens. No caso da escova progressiva, dependendo da concentração do formol, pode ainda causar queda capilar. Por isso, procure sempre uma escova progressiva sem formol e derivados .

– Como verificar se o produto é registrado na ANVISA?

Para verificar se o cosmético é seguro e possui registro na ANVISA veja se constam na embalagem as siglas “Reg. MS” Ou “Reg. ANVISA” seguidas de um número que deve começar por 2 e ter nove ou 13 dígitos. Você pode pesquisar também pelo site da ANVISA: Anvisa > Serviços > Cosméticos > Consulte os Cosméticos Registrados – Grau 2 > CNPJ da empresa (sem ponto e barras; por exemplo, 02176615000107).

– Então não posso mais alisar o meu cabelo? Existe alguma forma segura de fazer escova progressiva?

Para a hairstylist Neiva Pena, a progressiva não deve ser considerada uma vilã, ela é ótima, desde que os produtos sejam regulamentados pela ANVISA e registrados na categoria Grau 2.

A Bio Extratus lançou recentemente o Tratamento Disciplinador da Linha Bio Extratus Transformação. Os produtos são seguros e liberados pela ANVISA. Eles não contém formol ou outras substâncias proibidas pela ANVISA como o ácido glioxílico e o glutaraldeído. O alisamento ocorre devido a um blend exclusivo de oxoacetamidas e aminoácidos. O kit é composto por Shampoo Pré – Tratamento Antirresíduos (Frascos de 50mL e 500mL) Redutor de Volume ( Frascos de 110mL e 500mL) e Finalizador (Frascos de 50mL e 500mL).

O Tratamento Disciplinador da Bio Extratus é compatível com todas as químicas e possui efeito matizante, por isso pode ser usado em loiras e cabelos com mechas ou colorações. Mas lembre-se: Em qualquer procedimento químico é recomendado fazer o teste de mecha para verificar se o cabelo vai suportar o procedimento químico e não vai quebrar.

– Posso fazer o procedimento em casa?

Sim, basta seguir todos os passos corretamente.

Para que o resultado seja melhor, sugerimos pedir o auxílio de outra pessoa. O processo deve ser realizado em etapas, mecha a mecha de forma cuidadosa. Se preferir você pode comprar o kit e pedir para um profissional de sua confiança realizar o procedimento.

– Qual o resultado esperado? O cabelo fica liso mesmo ou só reduz o volume?

O grau de redução do volume e de alisamento depende do tipo de cabelo. O resultado pode variar de acordo com o grau de ondulação e com a resistência dos fios. Os cabelos finos, levemente cacheados ou ondulados, tendem a ficar mais lisos e os cabelos com cachos mais fechados e resistentes ao efeito liso, tendem a reduzir o volume e a controlar o frizz.

– Quanto tempo dura o Tratamento Disciplinador da Bio Extratus?

De 2 a 3 meses. Mas a duração pode variar com a frequência de lavagem e o tipo de produto utilizado. Por isso, é importante lembrar que quanto mais o cabelo for lavado, menor será a duração da progressiva.

– Como é o processo?

Passo 1 – Lave os fios com o Shampoo Pré-Tratamento Antirresíduos e massageie com movimentos suaves. Enxágue bem. Se necessário repita a aplicação.

1

Passo 2 – Seque os fios com o auxílio do secador até retirar toda umidade.

2

Passo 3 – Separe os cabelos em quadrantes e divida em mechas bem finas. Com pincel e luvas, aplique uma quantidade generosa do Redutor de Volume a uma distância de 0,5cm do couro cabeludo, no sentido da raiz às pontas.

3Passo 4 – Após aplicar o Redutor de Volume em todas as mechas, penteie os cabelos.

4

Passo 5 – Com o produto ainda nos cabelos, seque com o secador, escovando mecha a mecha.

5Passo 6 – Depois de escovar os cabelos, passe a prancha oito vezes em cada uma das mechas. A prancha deve estar na temperatura máxima de 200º C. Espere os frios esfriarem por 10 minutos.

6

Passo 7 – Enxágue bem até retirar todo produto. Uma dica interessante é lavar novamente os fios com o Shampoo Pós -Progressiva da Bio Extratus para limpar bem os fios.

7

Passo 8 – Em seguida, aplique o Finalizador Termoprotetor. Você pode escovar os cabelos ou deixá-los secar naturalmente.

8

Pronto! Agora você já pode exibir seu novo visual: Fios lisos, saudáveis e brilhantes!

9

Dica útil: Para manter os fios lisos por mais tempo use a linha Pós Progressiva da Bio Extratus. Linha completa com Shampoo, Máscara, Condicionador e Finalizador , especialmente desenvolvida para aumentar a durabilidade da progressiva e para hidratar profundamente os fios , através da atividade reconstrutora da queratina vegetal e da hidratação com os óleos de Argan e Cártamo.

Para saber mais sobre a Linha Bio Extratus Transformação, acesse: http://www.bioextratus.com.br/sublinhas/tratamento-disciplinador/

Naturalmente Bonita

Blog com informações preciosas no cuidado com os cabelos, pele, unhas e maquiagem, além de muitas novidades em moda, produtos e lançamentos de beleza!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *