Naturalmente Bonita

Acidificação Capilar: Já Ouviu Falar?

8.jun.2022

Já teve a impressão de que seu cabelo não melhora nunca, de que está sempre poroso, que parece não absorver nada?

Em muitos casos a razão disso é o que chamamos, de forma simplificada, de desequilíbrio do pH, que pode ter várias causas, desde o uso de produtos a químicas capilares.

O pH ideal para o cabelo varia entre 4.5 e 5.5 (alguns estudos sustentam que o ideal está entre 3.8 e 5.6), então sempre que há uma alteração e o pH sai dessa faixa a estrutura do cabelo fica mais vulnerável a danos diversos.

Se o pH ficar muito alto, muito alcalino, como acontece após o uso de colorações, que geralmente possuem pH entre 8 e 9, ou alisamentos, com pH entre 9 e 13, por exemplo, as cutículas se “abrem” e a parte interna do fio fica mais exposta e desprotegida.

Alguns shampoos também têm o pH bem mais alto, em torno de 7.5, bem como o cloro usado na piscina e em alguns casos até a água que usamos para lavar o cabelo.

Por outro lado, existem químicas capilares com o pH muito baixo (ácido), de 2.5 (no caso de algumas progressivas, selamentos, etc), por exemplo, e eles também podem prejudicar os fios, porque quanto mais ácido for o produto maior será o “desprendimento da queratina”, o que deixa o cabelo fino e frágil.

Para resolver isso é preciso equilibrar o pH dos fios, o que a gente faz com a acidificação capilar.

O que é acidificação capilar?

Mas o que, exatamente, é a acidificação capilar?

É um processo simples e poderoso feito com produtos acidificantes, de pH mais baixo, que acidificam o cabelo, estabilizam o pH e selam as cutículas.

Para que serve a acidificação?

A acidificação capilar, ao selar as cutículas e equilibrar o pH, permite que os ativos de tratamento permaneçam no fio e façam efeito, o que torna o cabelo mais forte, saudável e protegido.

Além disso, é um tratamento que combate a porosidade, alinha bastante os fios, melhora o frizz e deixa o cabelo bem mais brilhoso.

Então, ela serve para “colocar o cabelo nos eixos”, para deixar tudo equilibrado, garantindo assim a saúde, força e beleza dos fios.

Como fazer?

É fácil e rápido: basta usar um selador de cutículas, como o Pós Shampoo Queravit ou o Vinagre Iluminador, da Bio Extratus!

O Pós Shampoo Queravit é um selador de cutículas com pH 4.5 que repara danos e trata cabelos danificados. Um tratamento realmente completo!

Ele deve ser usado após o shampoo, deixando agir um minutinho, enxaguando e usando condicionador ou máscara em seguida.

A periodicidade de uso depende do estado do seu cabelo, tem fases que uso em quase todas as lavagens, como após as luzes, mas no geral uso uma vez na semana.

É meu xodó e indico fortemente pra manter na rotina de cuidados, já que várias coisas ao longo dos dias desequilibram o pH dos fios.

O Vinagre iluminador, por outro lado, também é um selador de cutículas, só que mais ácido, com pH 3.0, que também pode ser usado como finalizador.

A indicação é usar após o condicionador no caso de cabelos secos e normais ou após o shampoo no caso de cabelos oleosos, borrifando em todo o cabelo, deixando agir por 2 minutos e enxaguando em seguida.

Como finalizador, deve ser usado após a lavagem, depois de remover o excesso de umidade. É só borrifar nos fios, deixando secar naturalmente ou usando um secador em seguida (ele tem ação termoprotetora).

Como tem o pH mais ácido, é excepcional pra “um choque de realidade” nos fios, sabe? 

Acho maravilhoso para aqueles casos em que parece que o cabelo não melhora com nada, que nada funciona.

Também é excepcional para usar após as químicas capilares, tanto no lavatório quanto nas semanas seguintes até o fio ir normalizando. Depois disso, pode diminuir a frequência 

Experimenta fazer isso e veja como seu cabelo vai sofrer menos após as químicas e melhorar muito mais rápido!

Resultados da Acidificação Capilar

O que percebo como resultado da acidificação, e isso vale para o uso de ambos os produtos, é que eles reequilibram os fios de forma muito efetiva, deixam o cabelo alinhado, mas com balanço e movimento, sem mudar a forma.

Como ajudam muito na porosidade e no alinhamento, reduzem o frizz, proporcionam mais brilho e ajudam muito na absorção dos ativos das máscaras de tratamento, que acabam entregando um resultado melhor.

No meu cabelo é um tratamento indispensável que indico fortemente há anos!

Já experimentou a acidificação capilar? Corre pra experimentar, garanto que vai amar!

Pra comprar nossos produtos é só clicar aqui.

Beijos, Jú Lopes

Ju Lopes

A Ju é leonina com ascendente em Aquário, baiana, espontânea, envergonhada, faladeira, curiosa, advogada sem um pingo de vocação e apaixonada por bichos (foi “adotada” por 7!).  Tem TDAH, é...

Dicas Para Cuidar do Cabelo no Inverno

23.maio.2022

As temperaturas mais baixas afetam os fios causando vários problemas, então vamos de dicas para cuidar do cabelo no inverno!

A gente acha que é só no verão que o cabelo precisa de cuidados especiais, mas isso é um erro, já que a variação de temperatura e umidade sempre vai afetar o cabelo.

Mas, incorporando e observando alguns cuidados na rotina diária a gente evita problemas de forma fácil e eficaz!

Dicas para Cuidar do Cabelo no Inverno

1. Pra começar, cuidado com a água muito quente, que pode causar excesso de oleosidade no couro cabeludo, caspa e queda.

O ideal é apostar na água mais morninha e evitar ficar muito tempo embaixo d´água!

2. A preguiça vai vir, eu sei, mas não deixe lavar os fios, não deixe a oleosidade acumular! 

Aposte em condicionadores ricos em ativos hidratantes e em óleos e manteigas vegetais para manter a hidratação no interior do fio, o que garante a maciez e sedosidade.

3. Capriche nos tratamentos! No inverno o cabelo tende a ressecar bastante, então manter uma frequência de hidratação e nutrição é essencial para garantir a beleza e saúde dos fios.

4. Use o Umectante Bifásico nas pontas! 

As pontas sofrem no inverno, ficando mais ásperas, e pra isso não existe nada melhor que o Umectante Bifásico, que nutre de forma potente e sem pesar

Use-o no comprimento e pontas, como um pré shampoo, deixando agir por pelo menos 15 minutos antes da lavagem. Suas pontas vão agradecer!

5. Não fique sem finalizadores! Eles ajudam demais a manter a hidratação no interior da fibra ao longo do dia, “segurando” a hidratação e garantindo que o cabelo se mantenha macio e suave ao toque.

6. Seque bem os fios, preferencialmente com Toalha Antifrizz! Deixar o cabelo úmido por muito tempo em dias frios é um erro que pode custar caro, já que a evaporação é mais lenta, o cabelo demora mais para secar e o couro cabeludo fica com alta umidade por mais tempo do que deveria.

Isso pode causar micose, seborreia, caspa, fragilizar os fios e potencializar a queda.

7. Não use chapéu, touca ou qualquer coisa que abafe os fios enquanto eles estiverem úmidos, isso prejudica imensamente o cabelo, piora a caspa e a oleosidade da raiz e pode levar a queda dos fios.

Beijos, Jú Lopes

Ju Lopes

A Ju é leonina com ascendente em Aquário, baiana, espontânea, envergonhada, faladeira, curiosa, advogada sem um pingo de vocação e apaixonada por bichos (foi “adotada” por 7!).  Tem TDAH, é...

Não tem Condicionador na Linha Fun?

9.maio.2022

Eis a pergunta que não quer calar: não tem condicionador na linha Fun? Porquê?

A linha Fun foi desenvolvida pensando nas necessidades dos adolescentes, que querem cabelos incríveis sem gastar muito tempo. Ou seja, o melhor resultado e eficácia no menor tempo possível, tudo muito prático e rápido.

Todos os produtos são veganos, sem sal, parabenos, petrolatos ou corantes.

As composições são super suaves e eficazes, com ativos poderosos, e todos os finalizadores da linha possui filtro solar e ação termoprotetora.

São 3 linhas (Hidratante, Crespos e cacheados, e Cabelos lisos), com 3 ítens cada: shampoo, máscara e finalizador.

E cadê o condicionador? Não tem? Não, não tem, mas vamos por partes!

Máscara X Condicionador

Máscara e condicionador são, em regra, produtos diferentes, já que suas funções são diferentes e a concentração de ativos também.

Entretanto, são similares em alguns aspectos, como na presença de cargas positivas e no pH mais ácido.

Já em relação a produção, as máscaras possuem uma concentração maior de ativos que os condicionadores.

De forma resumida, a máscara trata enquanto o condicionador condiciona e finaliza a lavagem. Os passos finais do tratamento são o condicioamento e o “fechamento das cutículas”, que é feito pelo condicionador. É por isso que ele é tão importante.

Mas, se é tão importante, porque a linha Fun não tem condicionador? Como vai ficar o condicionamento e selamento das cutículas?

Porque a linha Fun não tem condicionador?

Lembra que quando comecei a falar de máscara e condicionador falei que “em regra” são produtos diferentes, com funções diferentes?

Então, em regra é isso mesmo. Para as linhas normais é isso mesmo.

Mas pra toda regra existem excessões, e a linha Fun é uma excessão porque as 3 máscaras da linha foram desenvolvidas e formuladas para tratar e condicionar ao mesmo tempo.

Isso mesmo, a máscara vai tratar o seu cabelo, agindo na hidratação, nutrição e reconstrução, mas também vai condicionar e selar as cutículas.

Ou seja, a máscara faz o papel de máscara e condicionador, o que é maravilhoso pra quem deseja muita eficiencia, mas com rapidez!

As máscaras da linha Fun possuem um pH mais ácido, a linha toda, inclusive, foca em um tratamento mais ácido, enriquecido com vinagre de maça, que melhora o brilho, o frizz e alinha bastante, além de óleo de coco, de palma, macadâmia e creme de avelã, que hidratam e nutrem de forma poderosa.

Por fim, contam ainda com queratina vegetal de baixo peso molecular, que melhora a elasticidade, fortalece e reconstroi os fios.

Tudo isso garante fios muito macios, sedosos, tratados e bem cuidados!

Pra comprar os produtos da linha Fun e deixar os fios incríveis é só clicar aqui.

Beijos, Jú Lopes

Ju Lopes

A Ju é leonina com ascendente em Aquário, baiana, espontânea, envergonhada, faladeira, curiosa, advogada sem um pingo de vocação e apaixonada por bichos (foi “adotada” por 7!).  Tem TDAH, é...

Produto Anticaspa Resseca o Fio?

27.abr.2022

Será que produto anticaspa resseca o fio mesmo? Muita gente tem receio de usar produtos para tratar a caspa porque eles, suportamente, ressecam os fios.

E sim, alguns produtos anticaspa realmente ressecam o cabelo. 

Como os produtos para tratar a caspa têm como principal função minimizar o excesso de oleosidade e as descamações no couro cabeludo, muitos produtos possuem uma fórmula mais agressiva, que visam apenas tratar a caspa mas esquecem de fazê-lo de forma equilibrada, tratando e equilibrando o fio.

Ou seja, são produtos extremamente adstringentes, que removem completamente a oleosidade do couro cabeludo e da raiz, e levam junto a oleosidade natural dos fios, que é extremamente necessária, causando ressecamento intenso.

Isso, contudo, não acontece com os produtos da linha Anticaspa Bio Extratus, e vou te explicar o porquê!

Produto anticaspa resseca o cabelo?

O Shampoo Anticaspa Bio Extratus possui formulação equilibrada, com nível de adstringência super eficaz, que trata e previne a caspa, mas, ao mesmo tempo, mantendo a hidratação da fibra capilar.

É um shampoo que deixa uma sensação de frescor deliciosa na raiz, que controla a descamação e garante 100% de hidratação!

Uso há bastante tempo e já fiz resenha dele, clica aqui pra conferir!

O Condicionador Anticaspa Bio Extratus condiciona e sela as cutículas com hidratação imediata e sem pesar nos fios.

E, por fim, a Loção de Tratamento Intensivo, pra ser usada no couro cabeludo, conta com ativos tecnológicos potentes que garantem uma ação anticaspa comprovada, sem ressecar ou agredir, que mantém a hidratação e a saúde dos cabelos.

Ou seja, produtos anticaspa de qualidade duvidosa ressecam sim o cabelo, e é por isso que a gente sempre a escolhe a melhor, que entrega extrema eficiência com cuidado adequado para os fios, não é mesmo?

A linha Anticaspa da Bio Extratus vai tratar a sua caspa e manter os fios hidratados, saudáveis e brilhantes, garanto!

Pra comprar é só clicar aqui.

Beijos, Jú Lopes

Ju Lopes

A Ju é leonina com ascendente em Aquário, baiana, espontânea, envergonhada, faladeira, curiosa, advogada sem um pingo de vocação e apaixonada por bichos (foi “adotada” por 7!).  Tem TDAH, é...

Porque o Fio Grisalho é Diferente?

8.abr.2022

Já parou pra pensar porque o fio grisalho é diferente, porque isso acontece e como tratar corretamente?

Pois vamos conversar sobre isso agora!

Cabelo envelhece?

Com o passar do tempo o nosso metabolismo começa a desacelerar, o que reflete também nos cabelos, vez que a microcirculação local é reduzida e as trocas celulares que ocorrem entre o couro cabeludo e o fio declinam.

Isso significa que a raiz do cabelo já não consegue mais “trabalhar” com a mesma intensidade, o que afeta a composição do fio e o crescimento capilar.

Da mesa forma, a medida que os anos vão passando a produção do sebo também cai, então os cabelos vão ficando mais ressecados, sem brilho e quebradiços, vez que a oleosidade natural é importente para a vitalidade e correta lubrificação do fio.

A chamada juventude capilar, que é a fase em que os fios estão mais grossos e volumosos, é dos 18 aos 30 anos, que é quando o fio de cabelo tem o maior diâmetro. A partir dos 30 anos, em regra, os fios brancos começam a surgir com mais força, embora possam aparecer bem mais cedo.

Porque os fios ficam brancos?

Os cabelos brancos surgem com a redução progressiva da função da melanina, a responsável pela produção do pigmento que dá cor aos fios. Assim, quando a produção de melanina cessa o fio cresce completamente branco.

As causas são muitas e estão relacionadas principalmente com a predisposição genética e/ou racial. Mas, existem estudos recentes que relacionam o surgimento dos fios brancos com fatores ambientais, alimentação e estresse.

Isso acontece por causa da alta produção de radicais livres que degradam a melanina, que é quem confere cor aos fios.

Porque o fio grisalho é diferente?

Sim, o fio grisalho é diferente e precisa de cuidados diferentes, já que suas necessidades já não são mais as mesmas.

O fio grisalho tende a ser mais “rebelde”, arrepiado e com frizz, além de mais frágil, ressecado e com menor maleabilidade.

Isso acontece porque a melanina, que dava cor ao cabelo, é substituída a princípio por bolhas de ar. Ou seja, o espaço, no fio, que era ocupado pela melanina fica cheio de ar.

E a melanina, além de ser a responsável pela cor, também é super importante para a proteção direta e indireta das proteínas capilares.

Poor isso, além da perda da cor o fio grisalho também tem uma perda maior de proteínas, ficando mais propensos a quebra e ao ressecamento.

E não é só: por causa da ausência de pigmentos, os fios grisalhos sofrem muito com o amarelamento, que é piorado pela ação dos radicais livres, acúmulo de resíduos do dia a dia (como cloro, resíduos de produtos, poluição, etc), exposição solar (que também causa mais ressecamento e oxida fortemente pela ausência de pigmentos) e uso de secador, babyliss e chapinha, que aceleram o amarelamento dos fios.

Como tratar o fio grisalho?

Por isso, o fio grisalho precisa de produtos ricos em ativos antioxidantes, que protejam dos danos causados pelos radicais livres e previnam a degradação dos fios, além de proteínas e ativos vegetais que mantenham os fios fortes e hidratados, protegendo do ressecamento e da quebra.

Associado a isso, claro, pigmentos que neutralizem o amarelado e mantenham o brilho prateado!

Beijos, Jú Lopes

Ju Lopes

A Ju é leonina com ascendente em Aquário, baiana, espontânea, envergonhada, faladeira, curiosa, advogada sem um pingo de vocação e apaixonada por bichos (foi “adotada” por 7!).  Tem TDAH, é...

Carregar Mais